O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

sexta-feira, 12 de junho de 2020

Prefeito de Alagoa Grande cobra atuação rápida do Ministério Público e da Polícia Federal para apurar o caso do auxílio emergencial envolvendo sua esposa

Nos últimos dias repercutiu em todo o estado a notícia de que a primeira dama da cidade de Alagoa Grande, no brejo paraibano, teria recebido o auxílio emergencial concedido pelo governo federal a pessoas atingidas pela pandemia do novo coronavírus.

Em sua live da semana passada, o prefeito da cidade, Antônio Sobrinho, já havia se pronunciado sobre o caso, explicando que a esposa, por trabalhar como voluntária da Assistência Social na cidade, havia sido procurada por muitas pessoas que queriam saber como fazer para receber o benefício e não sabiam como era o procedimento de solicitação através do App CAIXA | Auxílio Emergencial.

Ao instalar o aplicativo em seu próprio celular e fazer o procedimento para entender o trâmite, com o objetivo de mostrar o funcionamento do sistema às pessoas que a procuraram, a primeira dama Adriana de Melo Lima foi inscrita indevidamente no benefício, tendo procurado um advogado assim que foi informada do fato e devolvido integralmente os valores recebidos logo após a Caixa Econômica disponibilizar, no último dia 18 de maio, um sistema específico para que a operação fosse realizada.

Na live desta semana o prefeito voltou a tocar no tema e se pronunciou sobre a abertura de inquérito administrativo pelo Ministério Público Federal para apurar o caso, comemorando a medida e sugerindo, inclusive, que a Polícia Federal também seja acionada para colaborar com as investigações.

Antônio Sobrinho declarou:

“Quem tem a Verdade ao seu lado não tem medo de ser investigado. Pelo contrário! Eu quero que a investigação seja feita não apenas pelo Ministério Público Federal como também pela Polícia Federal e quero que isso aconteça com a máxima rapidez, para que a Verdade seja confirmada e as pessoas que duvidaram da boa fé da minha esposa tenham a certeza de que ela tomou a iniciativa com o único objetivo de ajudar as pessoas mais carentes, que é o que ela tem feito a três anos e meio como voluntária da Assistência Social em nossa cidade, sem receber um tostão da prefeitura de Alagoa Grande.”

Sobrinho ainda pediu rapidez nas investigações, para que a verdade seja confirmada o mais rápido possível.

Minha esposa e toda a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Social estão à inteira disposição e nosso desejo é que todos os fatos sejam apurados com a máxima rapidez, para que o caso seja encerrado e possamos voltar a nos dedicar integralmente ao que realmente interessa neste momento, que é o enfrentamento da pandemia do novo coronavírus e o apoio aos alagoagrandenses atingidos por essa crise, tanto do ponto de vista humanitário quanto nos aspectos econômicos.

O prefeito disse esperar também que a cobertura da mídia em relação ao resultado do inquérito tenha o mesmo destaque que a divulgação do fato, para que a população possa saber o desfecho do caso e confirme que ao final das investigações ficou comprovado que a primeira-dama é inocente.

Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................