O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

terça-feira, 14 de maio de 2019

Trabalhadores da educação paralisam atividades nesta quarta-feira

Trabalhadores da educação realizarão nesta quarta-feira (14), um protesto que terá concentração no Liceu Paraibano e seguirá até o Ponto de Cem Reis, em João Pessoa. A mobilização, que faz parte do Dia Nacional de Greve na Educação é contra os cortes de mais de 30% no orçamento das instituições federais de ensino. Durante a paralisação, não haverá aula nas Universidades e instituições federais.

Além do corte no orçamento, também houve a suspensão de bolsas de pós-graduação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Sindicatos de diversas categorias e centrais sindicais também confirmaram presença na mobilização.

Segundo um dos organizadores da atividade, Marcelo Sitcovsky a paralisação é para mostrar a força e a importância das instituições. "Esse corte feito pelo governo de Bolsonaro inviabiliza boa parte do orçamento das instituições federais de ensino e colocam em cheque a educação pública do país", explicou.

Ainda segundo ele, a paralisação promete ser histórica e também servirá de “esquenta” para a greve geral marcada para o dia 14 junho contra a “reforma” da Previdência do governo de Jair Bolsonaro (PSL). Click PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................