O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

sexta-feira, 3 de maio de 2019

Bebê nasce no escuro após chuva deixar o Hospital Albert Schweitzer sem luz

Um bebê nasceu no escuro no último domingo (28) no Hospital Albert Schweitzer, na Zona Oeste, durante o forte temporal que deixou o Rio de Janeiro em estágio de atenção.

Com chuva e ventos de mais de 100 km/h do lado de fora da unidade hospitalar, o hospital ficou sem energia elétrica por duas horas. O gerador do local também não funcionou, mas, apesar dos problemas, o bebê Murilo nasceu com saúde e passa bem, assim como a mãe.

Minutos antes do parto, a falta de luz causou pânico nos familiares do bebê, o primeiro filho do casal Raiane e Ramon. Esperando na recepção do hospital, o avô de Murilo ficou desesperado. Os pais também não sabiam o que seria feito e o medo tomou conta do casal.

"Na hora bateu o desespero porque se ele precisasse de alguma coisa, ou se eu precisasse partir para uma cesárea, não tinha como. Não iria ter nada que dependesse de energia elétrica. Teria que ser o parto normal, que foi uma decisão minha, mas se precisasse de algum aparelho não teria. Na hora deu aquele medo", contou Raiane, mãe de Murilo.


O pai de Murilo também teve um papel fundamental durante o nascimento do filho. Com o telefone celular nas mãos e no aguardo de fazer a primeira foto do garoto, Ramon se viu obrigado a iluminar a sala de parto para que os médicos tivessem alguma luz durante o procedimento.

Com G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................