O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

quarta-feira, 25 de julho de 2018

Procon notifica panificadoras de Monteiro pela venda do pão francês por unidade

As Padarias da cidade de Monteiro, no Cariri Paraibano, foram flagradas descumprindo a lei e comercializando o pão francês, também conhecido como pão de sal, por valor unitário.

Desde 2006, o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) estabeleceu que o alimento deve ser comercializado por peso para que não haja prejuízo do consumidor. A multa para os estabelecimentos pode chegar a R$ 100 mil.

O Procon núcleo Cariri através do coordenador, Cristovão Brasil Júnior, enviou uma notificação para os estabelecimentos comerciais na manhã desta terça-feira (24) de Julho, com a portaria de nº 146 de 20 de Junho de 2006 em anexo solicitando o cumprimento da mesma, caso sejam flagrados descumprindo a determinação os mesmo sofrerão multa.

Além do acolhimento da reclamação e das dicas de orientação, o consumidor também poderá baixar o aplicativo e acessar as notícias sobre o que ocorre no dia a dia do órgão, a exemplo das pesquisas de preços de produtos, operações da fiscalização e campanhas educativas. “É mais uma forma de atender ao consumidor”, disse o titular do Procon- Cariri.

Cariri Ligado

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

.....................................................

.....................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

.

.

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................