O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

domingo, 4 de março de 2018

Pesquisadores do IFPB de João Pessoa desenvolvem bengala inteligente

Pesquisadores do Instituto Federal da Paraíba em João Pessoa estão desenvolvendo uma bengala inteligente que pretende melhorar a vida de pessoas cegas ou com baixa visão.

Acoplada a ela tem um dispositivo que se comunica com o ambiente e leva informações para o smartphone, que reproduz em viva voz.
– A pessoa pode acessar o aplicativo e receber os dados do ambiente através de um comando de voz. As informações são descarregadas em cartões eletrônicos que ficam instalados em portas dos locais por onde os cegos passam e trocam informações com o dispositivo da bengala. Através de um software, o viva voz informa que lugar é aquele – disse o professor de engenharia elétrica Cleumar Moreira.

Segundo ele, ao passar na frente de um banheiro, masculino ou feminino, por exemplo, o deficiente visual receberá informações de que lá é um banheiro.

Ele ainda explicou que as informações vão sendo armazenadas na bengala e ao passar novamente pelo ambiente, o dispositivo procura a informação referente ao local.

O protótipo ainda está passando por melhorias como maior autonomia da bateria e novas funções mais complexas, como a possível substituição da bengala, por um cartão que passaria todos os comandos ao deficiente.

*Com informações da TV Cabo Branco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

..

..

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................