O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

.

.

terça-feira, 4 de julho de 2017

Ventania arranca árvore em JP e causa estragos em outras cidades da Paraíba

Uma forte ventania arrancou, por volta das 13h30 desta terça-feira (4), uma árvore de grande porte que fica no estádio Almeidão, em João Pessoa. Não houve feridos nem danos em carros no local. Comente no fim da matéria.

De acordo com o repórter Allan Hebert, do Jornal Correio da Paraíba, o administrador do Almeidão, Egnaldo Silva, afirmou que a árvore caiu após uma forte ventania registrada no local e que, por sorte, não deixou feridos ou causou danos materiais.

O Portal Correio tentou contato com o Corpo de Bombeiros para saber quando a árvore seria retirada do local, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta matéria.

Cidades estão sob alerta de ventos fortes

Na Paraíba, 99 cidades estão em alerta para ventos fortes após aviso do Centro Visual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos para o Sul da América do Sul (Alert-AS).

Também nesta terça, os municípios de Lucena e Belém, localizados respectivamente a 40 quilômetros e 123 quilômetros de João Pessoa, também registraram estragos por conta da ventania.

Em Belém, o portal de entrada da cidade desabou. Já em Lucena, o teto do Ginásio da Escola Américo Falcão desmoronou. 

Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................