“Não pise em ninguém quando estiver subindo, pois poderá encontrá-los quando estiver descendo.” (Domínio público)

.

.

quarta-feira, 31 de maio de 2017

Criança fica ferida ao bater a cabeça após ônibus escolar perder freio e tombar, na PB

Uma menina de oito anos ficou ferida ao bater a cabeça durante tombamento de ônibus escolar no qual seguia como passageira, na aldeia Jaraguá, em Rio Tinto, no Litoral Norte da Paraíba, a 52 km de João Pessoa, no fim da tarde desta quarta-feira (31). 

Segundo o major Alberto Filho, comandante da Companhia de Polícia Militar de Mamanguape, que fica responsável pelas ocorrências da região, o motorista perdeu o freio do veículo em uma ladeira.

“Ele ia descendo a ladeira e faltou freio. O motorista tentou reduzir marcha, foi pelo acostamento para diminuir a velocidade na areia, mas acabou perdendo o controle e tombando o ônibus”, relatou o major.

De acordo com o comandante, o ônibus, da Prefeitura Municipal de Rio Tinto, estava com grande parte dos assentos ocupada e conduzia estudantes para a aldeia após período de aulas em escolas. Não houve outros feridos além da criança já citada, que, conforme detalhou Alberto Filho, bateu a cabeça em uma barra de metal de dentro do coletivo. Ela foi socorrida para um hospital da região e passa bem após receber oito pontos no ferimento.

A PM informou que o motorista estava devidamente habilitado e a documentação do ônibus não apresentou problemas. A Prefeitura de Rio Tinto foi notificada para realizar a retirada do veículo tombado do local.

Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

................................................................

................................................................

................................................................

................................................................

................................................................

................................................................

...................................................

...................................................

................................................................

................................................................

.................................

.................................

...............................................................................................

...............................................................................................

.......................................................

.......................................................

.

.