O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Prefeituras sorteiam brindes para não perder alunos e garantir recursos do Fundeb

O início das matrículas na rede municipal de ensino tem provocado uma ‘guerra’ entre as prefeituras paraibanas. Para tentar aumentar o número de estudantes matriculados e incrementar o repasse do Fundo de Desenvolvimento da Educação (Fundeb), gestores têm seguido a lógica do mercado e se valido de táticas de marketing como sorteio de brindes para atrair os estudantes. Em Pirpirituba, no Brejo paraibano, o prefeito Denilson de Freitas (PSDB), através da Secretaria de Educação, resolveu sortear cinco bicicletas e uma moto Honda POP 0km para quem se matricular na rede do município.

As matrículas começaram na segunda-feira (9) e seguem até o dia 30 deste mês. Todos os alunos matriculados vão concorrer ao sorteio dos prêmios e, caso o ganhador da moto seja menor, o veículo será entregue e documentado em nome de um dos pais ou responsável.

A prática, defende o chefe de gabinete de prefeito, Tony Souza, não é exclusividade apenas de Pirpirituba. Mesmo com porte maior, a prefeitura de Guarabira também está sorteando 50 bicicletas entre os estudantes que se matricularem na rede municipal, conforme anunciou em programas radiofônicos, o prefeito Zenóbio Toscano. Já em Belém, no agreste paraibano, com 17 mil habitantes, segundo Tony Sousa, a prefeita Renata Christinne (PMDB) vai sortear tablets e notebooks.


Tony Souza argumenta que, apesar de parecer estranha, a medida foi tomada devido à evasão dos alunos para escolas de cidades vizinhas. “Queremos fomentar as matrículas no município. Tivemos informações de que houve uma queda no número de alunos e muitos migraram para a cidade vizinha. Para garantir o retorno dos estudantes, os professores da rede municipal estão visitando cada casa para saber quem são os alunos. Estamos em processo de licitação para melhorar as merendas, vamos oferecer cursos de aperfeiçoamento aos professores. Queremos trazer de volta nossos estudantes”, afirmou.

O interesse em recuperar os alunos da rede municipal pode ser convertidos em números, ou melhor, em verbas federais extras. Segundo portaria do Ministério da Educação, cada prefeitura recebeu ao ano passado, por cada aluno matriculado na creche e pré-escola o total de R$ 2.739,87. Sendo integral, o valor sobe para R$ 3.561,83. Alunos do ensino fundamental urbano e rural têm variação de R$ 2.739,87 a 3.561,83. O valor ainda deve ser revisto este ano.

BlogsJornaldaParaíba

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Ofertas do Atacadão Triunfo de Alagoa Grande

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................