O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Ex-vereadora vê “interesse pessoal” de deputados da PB em defesa pela manutenção da vaquejada

Em entrevista ao jornalista Heron Cid, na MaisTV, canal de vídeo do Portal MaisPB, a ambientalista e ex-vereadora de João Pessoa, Paula Frassinete  fez uma explanação sobre a polêmica da proibição da vaquejada no Brasil e disse que muitos parlamentares da Paraíba defendem a  atividade por interesse pessoal.

“Há representantes que são parentes de donos de haras. Há muito dinheiro que rola na prática no Estado e apostas altíssimas”, argumenta Paula Frassinente.

Ainda durante a entrevista, Paula Frassinete rebateu as afirmações da vaquejada como atividade econômica, cultural e de que não causa sofrimento aos animais.

Mais PB

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Ofertas do Atacadão Triunfo de Alagoa Grande

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................