O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Silo carregado de trigo desaba e mata quatro vacas em moinho de Cabedelo

Um silo desabou, na tarde desta quinta-feira (22), em Cabedelo, região metropolitana de João Pessoa.

De acordo com informações da Companhia Docas da Paraíba, o silo estava abastecido com trigo pertencente ao Moinho Tambaú.

Não houve nenhuma pessoa ferida.  No entanto, quatro vacas que pastavam no local morreram após serem atingidas por parte da estrutura do silo e soterradas pelo cereal.

Os restos dos animais foram aproveitados pelos populares que moram próximos ao moinho que retiraram as partes dos animais que ainda serviam para o consumo.

Recentemente um homem morreu após fazer manutenção em um dos silos de um moinho na cidade.

Roberto Targino – MaisPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................