O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

ALAGOINHA - Padre se irrita e desautoriza políticos a usarem seu nome e o da igreja na eleição

O pároco da cidade de Alagoinha, no Brejo paraibano, Padre Silva, se irritou, neste final de semana, ao ver o seu nome e o da igreja sendo mencionado em campanha eleitoral nas redes sociais.

De acordo com informações levantadas pelo Portal MaisPB,  estariam divulgando na internet que a Prefeitura de Alagoinha tinha tomado um terreno pertencente a igreja. No entanto Padre Silva reagiu as afirmações e desautorizou qualquer pessoa a tocar no seu nome ou mencionar a igreja em material político na internet.

“Não me envolva em política porque não sou politiqueiro. Desautorizo qualquer pessoa que utiliza o meu nome ou as redes sociais para colocar o nome do Padre ou da igreja com relação  à política”, desabafou o religioso.

O Portal MaisPB levantou ainda que uma fazendeira teria  sinalizado para a doação do terreno em questão para a igreja, mas o mesmo foi desapropriado pela Prefeitura de Alagoinha para a construção de escola e que  cedeu outra área para ser erguido uma capela.

Roberto Targino –  MaisPB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................

...............................................................................